segunda-feira, 26 de março de 2012

Como poeta

É na solidão que te inspira
e que demonstra a tua beleza.
A voz de um poeta é a tristeza,
Que canta em versos sua sina.
E Esperando que eles tomem vida. 
E tomem de ti a tinta, 
desbota em tuas lagrimas a sutileza, 
da dor que outrora te mantinha.


Nenhum comentário:

Postar um comentário